Ler sobre os cães com que trabalha é diferencial
Existem fatores que podem diferenciar você no cada vez mais crescente mercado de dog walker. Por exemplo: o quanto você se interessa e lê sobre cachorros? Já parou para pensar nisso? Pois é.

Um dog walker deve estar sempre lendo e pesquisando tudo ligado a sua “matéria prima”. Cães, raças, comportamento, produtos e novos serviços.

Sempre que iniciar um serviço com determinada raça, ajudará muito pesquisar um pouco sobre ela buscando saber particularidades daquela espécie para atuar com maior resultado e, portanto, prestar um serviço de qualidade e transmitir credibilidade ao cliente.

Já o comprometimento é um fator que pode ser sinônimo de sucesso ou fracasso do seu negócio porque haverá um condicionamento do cão em esperar seu dog walker. Se o profissional não aparece para o passeio, gera uma grande decepção do animal – no tutor idem. Faltas e atrasos constantes forçarão o cliente a cancelar o serviço.

Boa essa dica? Então mostre que sim. Curta, comente e compartilhe nossos materiais.

Compartilhe!