Atividades em excesso podem afetar a saúde

 

Dando sequência à nossa série de posts sobre o comportamento dos cães na Espanha, adestradores e treinadores locais também chamam a atenção para atividades que podem gerar ansiedade nos cães.

A tão velha quanto batida brincadeira de lançar uma bola para o cachorro apanhar gera, segundo eles, ansiedade e obsessão nos bichos.

O adestrador Ricardo Antón é categórico: embora acostumados, desde seus ancestrais, a percorrer longas distâncias a procura de alimento, os cães ficam obcecados com a perseguição às bolinhas. “O cachorro pode ficar tão obcecado que não vai parar de latir gerando taquicardia e, consequentemente, menos anos de vida”, alerta.

Apesar do advertência, Antón defende o bom senso dos tutores. Para ele, é o dono quem deve determinar o tempo da brincadeira. E, quando o cachorro latir pedindo o lançamento da pelota, nada de se submeter à vontade dele.
Curta, comente e compartilhe nossos conteúdos.

Compartilhe!