Quando organizamos nosso jardim, seja em casa ou apartamento, às vezes nem pensamos no risco que algumas plantas podem causar aos nosso pets. Como os cães são animais curiosos por natureza, é possível que o bichinho acabe ingerindo alguma dessas plantas, causando uma infecção ou intoxicação.

Sabemos que o instinto canino é muito aguçado e eles sabem o que pode fazer mal, mas os filhotes estão mais propícios à se entregarem a curiosidade. Pensando no bem-estar e saúde dos nossos pets, a Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) preparou uma lista com 16 plantas que precisam ficar longe dos peludos.

Confira:

Avenca: Pode causar câncer.

Azaleia: Pode causar distúrbios digestivos.

Bico-de-papagaio: Causa lesões cutâneas e conjuntivite.

Comigo-ninguém-pode: Irritam as mucosas.

Copo de leite: Irritação das mucosas, dor severa e edema de glote.

Coroa de Cristo: A substância tóxica é o Látex irritante, pode causar os sintomas de dor, vermelhidão e inchaço tecidual.

Espada-de-São-Jorge: Dificuldade de movimentação e respiração.

Espirradeira: Causa arritmia, diarreia, paralisia, coma e morte. Observados de 1 a 24 h após ingestão.

Fumo bravo: Diarreia, gastrite, náuseas, vômitos, sintomas neurológicos, etc.

Lírio: Irritação oral e ocular, dificuldade de deglutição e alterações renais e neurológicas.

Lírio da paz: Irritação oral e ocular, dificuldade de deglutição e alterações renais e neurológicas.

Mamona: Êmese, diarreia, cólicas, etc.

Tomate verde: Arritmias, diarreia, êmese, etc.

Violeta: Toxicidade nos rizomas e sementes. Princípio ativo são violina, acido tânico e salicílico.

Se você possui uma dessas plantas na sua casa ou apartamento, fique de olho! Caso seu animalzinho apresente algum dos sintomas acima, leve-o ao veterinário.

 

Baixe o App da Cão Ativo Club e fique por dentro das melhores dicas do mundo canino! Disponível na App Store e Google Play.

Se você tem algum tipo de problema específico que gostaria de tirar dúvida com a gente, mande um e-mail para contato@caoativoclub.com.br que o Fernando te responde!

 

Compartilhe!