Quando um cachorro se sente ameaçado, um dos seus mecanismos de defesa é a mordida. E, mesmo que os cães pareçam as criaturas mais dóceis do mundo, essa atitude pode ser perigosa.

Até com os peludos da nossa casa é preciso tomar cuidado caso alguém leve uma mordida de surpresa. Existem três diferentes tipos de lesões que uma mordida pode causar: Lesões leves, que são apenas arranhões e não sangram; Perfuração profunda ou superficial, que sangram um pouco e podem causar infecções e dilaceração ou esmagamento, que são causadas por animais maiores e também podem causar infecções e lesões internas.

Quando alguém é mordido por um cão, o primeiro pensamento é sobre a doença da Raiva. Ela é causada por um vírus e possui uma taxa de mortalidade de quase 100%. Porém, com a conscientização e vacinação dos animais a Raiva está praticamente erradicada e são raros os casos encontrados.

Assim que acontecer o acidente, você deverá lavar a ferida com sabão e água corrente por um período 5 minutos, para limpar bem. Depois, estanque o sangue com uma toalha limpa e fique em observação. Se após algumas horas o machucado inchar, apresentar pus e a pessoa sentir dor ou tiver febre, pode ser uma infecção. Por isso é importante buscar ajuda médica.

 

Baixe o App da Cão Ativo Club e fique por dentro das melhores dicas do mundo canino! Disponível na App Store e Google Play.

Se você tem algum tipo de problema específico que gostaria de tirar dúvida com a gente, mande um e-mail para contato@caoativoclub.com.br que o Fernando te responde!

Compartilhe!