Quando chega a hora do passeio com os nossos cãezinhos, é normal que alguns equívocos ou distrações ocorram durante o caminho. Por isso, hoje iremos dar início à série de cinco dos erros mais comuns que donos e até dogwalkers podem cometer.

1- Não levar em consideração a raça, idade e condições do animal 

Infelizmente, muitos donos pensam que um tempo maior de exercícios, levam automaticamente a uma saúde melhor. Mas, isso não pode estar mais longe da verdade. Embora todos os cães precisem de atividade diária, alguns podem lidar com exercícios mais longos melhor do que outros. Um chihuahua não tem a mesma condição física que um pastor alemão. Além disso, a corrida de longa distância não é indicada para qualquer raça, podendo até levar à lesões.

Precisamos levar em consideração que um cão não sai de casa somente para atividade física. Quando farejam, olham movimentos de cenários e etc, exercitam também seu estado mental. Portanto mesmo ele não tendo uma condição física de alta performance, caminhe um trecho menor e mais devagar, mas ainda assim ele poderá ficar pelo menos uma hora fora do seu ambiente, terá as outras vinte e três horas do dia para voltar a sua rotina.

 

Baixe o App da Cão Ativo Club e fique por dentro das melhores dicas do mundo canino! Disponível na App Store e Google Play.
Se você tem algum tipo de problema específico que gostaria de tirar dúvida com a gente, mande um e-mail para contato@caoativoclub.com.br que o Fernando te responde!

Compartilhe!