O Husky enfrenta as piores temperaturas rindo

 

O Husky Siberiano é uma raça sem origem definida, que se difundiu no continente asiático. Os primeiros registros dessa espécie datam de 1909, quando esses cães eram usados para corridas de trenó.

No Ártico, no auge da exploração do ouro, os mineiros promoviam as competições para se distrair.

Esses cães ganharam status de heróis quando foram usados para transportar vacinas à cidade de Nome, no Alasca, percorrendo nada menos do que 540 quilômetros. A façanha rendeu uma estátua no Central Park, em Nova Iorque.

Saltando no tempo e chegando aos dias de hoje, o Husky é um cachorro que adora brincar – experimente correr com ele e leve um tubo de oxigênio consigo – e adora interagir com outros animais.

Se você tiver um Husky em casa anote essa dica essencial. Por conta de sua história, esse animal tem um perfil que exige saídas à rua com muita frequência. Não fazê-lo pode resultar em acúmulo de energia. E sua casa será o primeiro alvo do cachorro nesses casos.

Curta, comente e compartilhe nossos materiais.

Compartilhe!