Reconhecer que o seu cão pode não estar se sentindo bem emocionalmente é o primeiro passo para ajudá-los.

Abaixo estão alguns dos sintomas mais comuns de cães que sofrem de ansiedade.

  • Uivar e latir demais:

 Seja dentro ou fora da casa, latir muito pode ser um sinal de ansiedade. Tente e encontre um padrão para saber qual a melhor solução do problema. Isso acontece quando você sai de casa? Quando estranhos chegam à porta?

  • Perda pelo: 

Todos os cães perdem pelo, já falamos disso aqui (link), mas você já percebeu quanto cabelo pode sair quando seu cão está estressado? Você pode ver isso acontecer no pet shop quando ele toma banho e até quando você faz carinho.

  • Lamber excessivamente: 

Os cães parecem estar constantemente lambendo as coisas, então, como isso pode ser um sinal de estresse? A lambida repetitiva de nariz, boca e patinhas, geralmente acompanha outros comportamentos, como alguns dos mencionados nesse post.

  • Comportamento destrutivo: 

Especialmente nas raças mais agressivas, os cachorros podem tentar aliviar o estresse por mastigar ou morder os móveis, brinquedos e até você! Tente analisar as circunstâncias que aumentam os comportamentos ruins, como ficar sozinho ou quando outros animais estão presentes.

  • Esconder: 

Há muitas razões pelas quais seu cão pode mostrar que está desconfortável com algo, seja evitando outros cães ou pessoas. Rabo dobrado e evitar contato se afastando são todas as maneiras que seu cão mostra que ele não está muito bem.

  • Pular constantemente:

Isso sinaliza energia em excesso, evitar muitas “festinhas” ao chegar ou sair de casa quando deixa-lo só também ajuda muito. Evite chegar em casa se direcionar direto para o cão isso estimula ansiedade por separação.

 

É importante lembrar que se o seu cão está evitando uma situação que o deixa desconfortável, isso é melhor do que mostrar agressão e é melhor respeitar essa mensagem. E depois, tentar reverter a situação.

Uma das principais atitudes para ajudar um cão ansioso é fazer exercícios regularmente, manter uma rotina de alimentação, brincadeiras e passeios e evitar situações de estresse (multidões ou deixá-lo sozinho).

 

Baixe o App da Cão Ativo Club e fique por dentro das melhores dicas do mundo canino! Disponível na App Store e Google Play.

Se você tem algum tipo de problema específico que gostaria de tirar dúvida com a gente, mande um e-mail para contato@caoativoclub.com.br que o Fernando te responde!

Compartilhe!